Livre pensar é só pensar!

Para não desligar os neurônios

As farsas da (ir)responsável mídia nacional…

A TV brasileira está cada vez pior e mais descarada, em seus jornais televisivos. É impressionante. Basta passear pelos vários canais (principalmente os mais acessados) e se vê a mesma estratégia: o sensacionalismo barato, o partidarismo político e a violência sem fim. Se fosse possível espremer estes noticiários, sairia muito sangue, inúmeros linchamentos políticos e terrorismo informativo. E eles não têm o mínimo escrúpulo para manter este “elevado nível” de informação, recorrendo a artifícios mil para não deixar cair a peteca de suas “linha editoriais”. A toda hora e todo instante, percebe-se as manobras “jornalísticas”. Com saco cheio de assistir a este  jornalismo lamentável, ao invés de desligar a TV vou tentar, a partir de hoje, comentar ao menos as farsas mais escabrosas. Como exemplo disso cito hoje três fatos atuais e incontestáveis que detectei:

Fato 1: ao final de todo ano passado, cada um destes noticiários, através de seus “jornalistas”, babavam de prazer em citar,a cada dia, vários assassinatos de policiais e chacinas no Sudeste Maravilha. Pois bem: nestes primeiros dias de 2013, como a realidade não está colaborando (reduziram-se os assassinatos e chacinas por lá), eles requentam as mesmas notícia durante a semana inteira. A nottícia sobre duas mulheres atingidas por balas perdidas foram repetidas durante toda a semana. A menina que morreu no hospital por falta de atendimento, idem. Idem também para o assassinato de um trabalhador por policiais há quase um mês. Isto quer dizer: parece que a violência está sendo reduzida, mas eles não noticiam isto, simplesmente ignoram os fatos e repetem indefinidamente as notícias velhas. Daqui a pouco, é bem capaz deles contratarem pistoleiros para gerarem notícias…

Fato 2: retomando o seu apoio sensacionalista à famigerada e falida Lei Seca, deram cobertura incessante às blitz de fim-de-ano, apresentando números dos embriagados detidos (que percentualmente nem foi tão grande), mas não informaram quantos acidentes, mortos e feridos ocorreram no período e, muito menos se o percentual destas ocorrências reduziram-se, elevaram-se ou permaneceram iguais, no período citado. Muito menos informaram sobre estas mesmas ocorrências provocadas por motoristas não-alcoolizados. Assim, permanece tudo como dantes no quartel de Abrantes e a empulhação jornalística vai adiante…

Fato 3: Há mais de dez dias, eles massacram nossos ouvidos com a problemática da posse do Hugo Chavez, deixando claro a sua posição de inconstitucionalidade do adiamento da mesma. Na maior cara-de-pau, esta grande mídia “democrática” não olha para o próprio rabo e esquece que, à época do eleito Tancredo Neves, participaram ativa e conscientemente do embuste de esconder o quanto puderam a morte do Tancredo (inclusive com foto dele já morto e aparentando estar vivo) e da inconstitucionalidade da posse do Sarney. Pela constituição, teria que haver novas eleições, mas os políticos e mídia “democráticas”, num conluio silencioso, aplaudiram a posse do vice-presidente que não poderia ter-se tornado presidente, já que o titular não foi empossado. No Brasil, pode, na Venezuela, não…

E estes três fatos são apenas uma pequena amostra da realidade midiática nacional. São apenas a ponta de um imenso e vergonhoso icebeg…

Não é possível que a sociedade brasileira, por suas redes sociais, não consiga mudar este quadro de (des)informação estimulante da realidade do país. Deturpação e/ou manipulação de fatos, banalização intencional da violência, terrorismo informativo, oposição intencional e prejudicial à plena cidadania, com certeza não contribuem para o amadurecimento da população brasileira. Por isso, se vocês, amigos, quiserem participar desta luta por um jornalismo responsável e proativo e quiser comentar algumas destas farsas que assistiu, enviem para nós e elas serão postadas aqui…

Bom dia a todos…

Anúncios

terça-feira, 8 janeiro, 2013 - Posted by | Comentário | , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: