Livre pensar é só pensar!

Para não desligar os neurônios

Miseravelmente, foi necessária esta imagem, pequeno Aylan…

lagrimaOlhem, no artigo abaixo, a imagem do pequeno Aylan. Não parece morto, mas dormindo. Se estivesse sobre uma cama, passaria a doce imagem de uma criança em sono profundo e feliz. Talvez seja esta aparência o que mais chocou cada um de nós, no mundo inteiro: a morte disfarçada de normalidade. Em um mundo que banalizou a violência, uma morte sem sangue, limpa de evidências criminosas, travestida de sono calmo em um pedaço de praia em qualquer parte do mundo. Uma morte que nos horrorizou não pela violência explícita, mas pela selvageria subjacente na tragédia humanitária que a ocasionou. Uma morte que, de repente, tornou-se a gota d´água no balde da nossa capacidade de tolerância e omissão. Morte que, enfim, formou uma pressão irresistível sobre os gestores dos países ricos, obrigando-os a aceitar o que até então buscavam negar: solidariedade. Solidariedade para com as vítimas da própria dominação fomentada pelo poderosos em suas ex-colônias, como forma de manter a dominação e descarregar a “sucata” de suas armas tecnologicamente obsoletas.
Pequeno Aylan, que precisou morrer para despertar a ira contra a covardia e a omissão humana. Pequeno Aylan, que daqui a pouco estará esquecido por todos nós, diante dos objetivos inconfessáveis dos poderosos e a omissão criminosa dos alienados politicamente.
Pequeno Aylan: que ao menos o outro lado do caminho lhe seja menos doloroso….
Henrique Miranda
 _______________________________________________________________________________

Luis Morago – Avaaz

Para

henriquermiranda@yahoo.com.br
Set 5 em 4:35 PM

__________________________________________________
PS: Postei este conteúdo na madrugada, assistindo um filme sobre Mandela, o sábio guerreiro africano. Sábio,porque persistente, sábio porque político pacifista, sábio porque solidário. Uma solidariedade que não existiu em vida, para o pequeno Aylan.
Se concordam, assinemos o manifesto sobre a questão, antes que esqueçamos o Aylan…Ou quando o site indicado der acesso (tentei e dá como não acessível)….

Anúncios

domingo, 6 setembro, 2015 - Posted by | Uncategorized | , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: