Livre pensar é só pensar!

Para não desligar os neurônios

O nazi-fascismo está aí, sob os olhos cúmplices dos golpistas…

Ex-militante de grupo pró impeachment fala ao DCM das ameaças de morte que está recebendo. Por Mauro Donato

Postado em 26 Jan 2017
 direita perseguida2

Para os golpistas que há poucos meses inflaram um boneco de Teori Zavascky caracterizado como uma hidra, agora depois de morto ele é ‘brilhante’, ‘notável’, ‘digno’, ‘já saudoso’. Um magistrado irretocável que precisa ser substituído à altura, por alguém de mesma envergadura. Por mesma envergadura entenda-se do agrado desses grupos.

Uma carta assinada por Antonio Bicudo e Miguel Reale e demais grupos (movimentos como o NasRuas e Movimento Muda Brasil que hoje se autodenominam ‘Aliança Brasil’ e dizem estar em nome da ‘sociedade civil organizada’) é endereçada a Michel Temer e ‘sugere’ nomes para o novo ministro do STF. Eles indicam Ives Gandra Martins Filho, Julio Marcelo de Oliveira, Roberto Delmanto e Roberto Livianu.

Qual o interesse nas indicações? É o que se perguntam ex-ativistas da direita que tomou as ruas pedindo o impeachment da presidente desde o primeiro dia pós-eleição de Dilma em 2014.

Os dissidentes daqueles movimentos ‘anti-corrupção’ que acordaram para o que estava ocorrendo (golpe, bem entendido) e passaram a se dedicar à pressão no Ministério Público por uma instalação de CPI que apure a origem e o financiamento desses grupos hoje sofrem sérias ameaças e perseguições.

Ameaças de morte são corriqueiras e muitos ativistas estão assustados. Daniela Schwery já havia nos relatado isso há pouco tempo. Agora, outra ex-militante, que pede proteção de sua identidade por razões obvias, falou ao DCM.

“Desde o ano passado apresentamos denúncias contra esses movimentos. Quem se atreveu a chamar o impeachment de ‘impizza’ sempre sofreu bullying. Queríamos o impeachment da chapa toda (Dilma-Temer), mas eles, com financiamentos sujos por trás, salvaram o Temer. Daí o bullying então se transformou em ameaças desde que tomamos a atitude de enfrentar esses movimentos e lideranças como a Carla Zambelli”, diz ela.

De fato a mulher tem motivos para estar com medo e pedir sigilo. Uma das mensagens direcionadas a ela é contundente: “Eu sou vidente. Quer saber o que vai acontecer este ano? Outros parentes seus vão morrer e não vai ser de câncer não, vai ser com bala na cabeça!”. Ela havia perdido uma tia vítima da doença.

Um outro recado, mais que explícito, vem de um defensor de Joice Hasselmann, a jornalista aliada a esses movimentos que se refere como Zé Povinho a quem discorde de seus arroubos fascistóides e que é responsável pelo plágio de nada menos que 65 reportagens segundo o Conselho de Ética do Sindicato dos Jornalistas do Paraná.

“Seguinte, periguete: o que vou ter que fazer para você parar de incomodar a Joice Hasselmann? Será que apenas um estupro é suficiente ou vou ter que te matar? (…) Você vai excluir TUDO relacionado a Joice e a Carla Zambelli dos seus perfis. Avisa para seus amigos fazerem o mesmo (…) caso contrário, seus perfis serão lembranças póstumas.”

Por mensagens intimidadoras como essas e por ações concretas como vans paradas em frente sua porta ou mesmo ataque de objetos contra sua casa, a ex-militante afirma estar vivendo como nômade. Com medo, ela tem se deslocado pelo país enquanto aguarda que a polícia avance nas investigações das ameaças.

Não será um trabalho simples. Muitas mensagens chegam através de emails que estão em servidores ocultos e criptografados cuja interface não depende de Java Script (não sei nada sobre isso mas pelo pouco que entendi as senhas não são recuperadas.

É um serviço indicado por especialistas em segurança digital). Enfim, não é coisa de amadores.

“Sou consciente de que sou uma gota d’água no meio desse oceano aí de poderosos e tenho noção de que estou enfrentando algo muito maior que eu”, afirma.

O avião que transportava Teori pode ter se acidentado em uma fatalidade. Mas ocorrer às vésperas das homologações de delações que trazem nomes de políticos e partidos que sempre andaram com a imagem polida pelo establishment, carregará a suspeita por muito tempo.

E a direita conservadora tem dado provas de sua virulência a respeito do que é capaz. Os dissidentes que o digam.

Acompanhe as publicações do DCM no Facebook. Curta aqui.
Sobre o Autor

Jornalista, escritor e fotógrafo nascido em São Paulo.

Anúncios

sexta-feira, 27 janeiro, 2017 - Posted by | Repassando... |

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: