Livre pensar é só pensar!

Para não desligar os neurônios

A causa primária do câncer: a abordagem científica ignorada…

Desde o início da existência deste modesto blogue, nos preocupamos em divulgar conhecimentos alternativos sobre a saúde humana, como forma de combater a mercantilização imoral da medicina alopática e seus efeitos colaterais, além de desmascarar o preconceito ideológico existente em relação à fitoterapia e outras alternativas da milenar medicina natural. Nesta proposta, uma das primeiras postagens foi sobre a ação do bicarbonato de sódio no controle de tumores cancerígenos, seguida de informações sobre a alimentação no combate à acidez orgânica favorável ao câncer e outras informações complementares. E lembro que à época, pelo ineditismo da notícia, pela desinformação geral à respeito, assim como pelo preconceito cognitivo existente entre os adeptos acríticos da ciência em relação ao conhecimento empírico, recebemos inúmeras críticas sobre a qualidade da informação repassada, felizmente compensadas pelos também inúmeros elogios. E o tema, pelo menos entre os blogueiros que frequentam este espaço de compartilhamento, permanece até hoje como o mais buscado e lido.
Em função disto, causou-me agradável surpresa o texto repassado pelo navegante Carlos Gemer (que repasso abaixo), onde se demonstra que o cientista e médico alemão Otto Heinrich Warburg (1883/1970), Prêmio Nobel em Fisiologia/Medicina em 1931 abordou, em sua época, as questões da acidez e da alcalinidade orgânica na saúde das pessoas, identificando na acidez do corpo humano a causa primária do câncer. Isto há quase um século! E permanecendo praticamente inédita durante todo este tempo… Porque? Leiam e tirem vocês mesmos suas próprias conclusões…
___________________________________________________________.

Otto Heinrich Warburg

Otto Heinrich Warburg Medalha Nobel
Fisiologia, bioquímica
Otto Heinrich Warburg (cropped).jpg
Nacionalidade Alemanha Alemão
Nascimento 8 de outubro de 1883
Local Freiburg im Breisgau
Falecimento 1 de agosto de 1970 (86 anos)
Local Berlim
Actividade
Campo(s) Fisiologia, bioquímica
Orientador(es) Hermann Emil Fischer, Ludolf von Krehl
Prêmio(s) Nobel prize medal.svg Nobel de Fisiologia/Medicina (1931)

_______________________________________________________

Causa Primária do Cancer!


Esta foi, sem  dúvida, a mais explicativa mensagem sobre a origem do cancer, suas causas, a  razão de sua existencia e o cuidado que devemos ter para não  “contraí-lo”.

Sabiam que no ano de 1931 um    cientista recebeu o prêmio Nobel por descobrir a CAUSA PRIMÁRIA DO CÂNCER?

Mas peraí, se a    causa foi descoberta, por que ainda “não descobriram a cura??”Vamos ser informados agora!

Otto Heinrich Warburg (1883-1970).

Prêmio Nobel em 1931 por sua tese “A causa    primária e a prevenção do câncer”

Segundo esse cientista, o câncer é a consequência de uma alimentação    antifisiológica e um estilo de vida antifisiológico.
Por que?… porque uma alimentação antifisiológica – dieta baseada em alimentos acidificantes + sedentarismo, cria em    nosso organismo um ambiente de ACIDEZ.
A ACIDEZ    por sua vez EXPULSAo OXIGÊNIO    das células!!! Ele    afirmou: “A falta de oxigênio e a acidez são as duas caras de uma mesma moeda:    quando você tem um, você tem o outro.”

    Ou seja, se você tem excesso de acidez, então automaticamente falta    oxigênio em seu organismo!

Outra afirmação interessante: “As substâncias ácidas    repelem o oxigênio; em oposto, as substâncias alcalinas atraem o oxigênio.”

Ou seja, um ambiente ácido, sim ou sim, é um    ambiente sem oxigênio.

E ele afirmava que: “Privar uma célula de 35% de seu    oxigênio durante 48 horas, pode convertê-la em cancerígena.”
Ainda segundo Warburg: “Todas as células normais tem como    requisito absoluto o oxigênio,  porém as células cancerosas podem    viver sem oxigênio – uma regra sem exceção.”

E também: “Os tecidos cancerosos são tecidos    ácidos, enquanto que os saudáveis são tecidos alcalinos.”

Em sua obra “O metabolismo dos tumores”,    Warburg demonstrou que todas as formas de câncer se    caracterizamn por duas condições básicas: a acidose (acidez do    sangue) e a    hipoxia (falta de oxigênio). Também descobriu que as células cancerosas são anaeróbias (não    respiram oxigênio) e NÃO PODEM sobreviver na presença de altos níveis de    oxigênio; em troca, sobrevivem graças    a  GLICOSE sempre que o ambiente está livre de    oxigênio… Portanto, o câncer não seria nada mais que um mecanismo    de defesa que tem certas células do organismo para    continuar com vida em um ambiente ácidoe carente de oxigênio.

Resumindo:

– Células sadias vivem em um ambiente alcalino e    oxigenado, o qual permite seu normal funcionamento:

– Células    cancerosas vivem em um ambiente extremamente ácido e carente de oxigênio:

IMPORTANTE:
Uma    vez finalizado o processo da digestão, os alimentos de acordo com a qualidade    de proteína, hidrato de carbono, gordura, minerais e vitaminas que    fornecem, gerarão uma condição de acidez ou alcalinidade no organismo.. Ou    seja, depende unicamente do que você come!
O resultado acidificante ou alcalinizante se mede através de uma escala    chamada PH, cujos valores se encontram em um nível de 0 a 14, sendo PH 7, um PH    neutro.
É    importante saber como os alimentos ácidos e alcalinos afetam a saúde,    já que para que as células funcionem de forma correta e adequada, seu PH    deve ser ligeiramente alcalino. Em uma pessoa saudável, o PH normal do sangue se    encontra entre7,40 e 7,45. Leve em conta que se o ph sanguíneo caísse abaixo    de 7, entraríamos em estado    de coma próximo a morte. Abaixo do nivel NORMAL , o sangue é tido como ÁCIDO.
Então, que temos a    ver com tudo isto? Vamos ao que interessa!!

Alimentos que acidifican o organismo:

– Açúcar    refinado e todos os seus subprodutos – o pior de tudo: não tem    proteínas, nem gorduras, nem minerais, nem vitaminas, só hidrato de carbono    refinado que pressiona o pancreas. Seu PH é 2,1, ou seja, altamente    acidificante #  Carnes- todas     # Leite de vaca e todos os seus derivados- queijos, requeijão, iogurtes, etc.     # Sal refinado     # Farinha refinada e todos os seus    derivados – massas, bolos, biscoitos, etc.     # Produtos de padaria – a    maioria contém gordura sagurada, margarina, sal, açúcar e conservantes     # Margarinas     # Refrigerantes     # Cafeína – café, chás pretos,    chocolate     # Álcool     # Tabaco     # Remédios, antibióticos     # Qualquer alimento cozido – o cozimento elimina o oxigênio e o trasforma em ácido- inclusive as    verduras cozidas.     # Tudo que contenha conservantes,    corantes, aromatizantes, estabilizantes, etc. Enfim: todos os alimentos    enlatados e industrializados. Constantemente o sangue se    encontra autorregulando-se para    não cair em acidez metabólica, desta forma garantindo o bom    funcionamento celular, otimizando o metabolismo. O organismo DEVERIA    obter dos alimentos, as bases (minerais) para neutralizar a acidez do    sangue da metabolização, porém todos os alimentos já citados, contribuem    muito pouco, e em contrapartida, desmineralizam o organismo (sobretudo os refinados).    Há que se levar em conta que no estilo de vida moderno, esses alimentossão consumidospelo menos 3 vezes    por dia, os 365 dias do ano!!! Curiosamente, todos estes alimentos citados,    são ANTIFISIOLÓGICOS!!…Nosso    organismo não    foi projetado para digerir toda essa porcaria!!!

Alimentos    Alcalinizantes

# Todas as verduras cruas    (algumas são ácidas ao paladar, porém    dentro do organismo tem reação alcalinizante, outras são levemente    acidificantes porém trazem consigo as bases necessárias para seu correto    equilíbrio); cruas    produzem oxigênio, cozidas não.

#Frutas, igualmente as verduras, por    exemplo o limão    tem um PH ” ácido ” próximoa 2.2, porém – SAIBAM –  dentro do organismo tem um efeito altamente alcalinizante (quem sabe o mais    poderoso de todos). Não se deixe enganar    ,impressionando-se com seu sabor  ácido, ok? As frutas produzem    quantidades saudáveis de oxigênio!     # Sementes: além de todos    os seus benefícios, são altamente    alcalinizantes, como por exemplo as amêndoas.

    # Cereais    integrais: O único cereal integral alcalinizante é o milho,    todos os demais são ligeiramente acidificantes, porém muito saudáveis!..    Lembre-se que nossa alimentação ideal necessita de uma porcentagem de    acidez (saudável). Todos os    cereais devem ser consumidos cozidos. O milho cozido ,é muito saboroso e muito saudável! # Omel é altamente alcalinizante. # A clorofila das plantas    (de qualquer planta) é altamente alcalinizante (sobretudo a aloe vera, mais conhecida como babosa).     #Á água    é importantíssima para a produção de oxigênio. “A desidratação crônica é o estressante principal do corpo e a    raiz da maior parte de todas as enfermidades degenerativas”,    afirma o Dr. Feydoon Batmanghelidj.#O exercício oxigena todo teu organismo,    o sedentarismo o desgasta.  Não é preciso dizer    mais nada, não é?

    O Doutor George w. Crile, de Cleverand, um dos cirurgiões mais importantes    do mundo declara abertamente:

“Todas as mortes    ditas imprópriamente como  “naturais”,não são mais que o    ponto terminal de uma saturação de ácidos    no organismo.”

Como dito anteriormente, é totalmente    impossível que um câncer prolifere em uma pessoa que libera seu corpo da    acidez, nutrindo-se com alimentos que produzam reações    metabólicas alcalinas e aumentando o consumo de água pura; e que por sua    vez, evita os alimentos que produzem acidez, e se abstém de elementos    tóxicos. Em geral o câncer não se contrai ( não se ” pega ” )nem se    herda… o que se herda são    os costumes alimentícios, ambientais e o estilo de vida que produz o câncer.
Mencken escreveu:

“A luta da vida é contra a retenção de    ácido”.

“O envelhecimento, a falta de energia, o stress, as dores    de cabeça, enfermidades do coração, alergias, eczemas, urticária, asma,    cálculos renais e arterioscleroses entre outros, não são nada mais que a    acumulação de ácidos.”

    O Dr. Theodore A. Baroody disse em seu livro “Alkalize or Die”    (Alcalinizar ou Morrer):

“Na    realidade não importa o sem-número de nomes de enfermidades. O que importa sim é que todas elas    provém da mesma causa básica:muito lixo ácido no corpo!”

O Dr. Robert O. Young disse:

“O excesso de acidificação no organismo é a    causa de todas as enfermidades degenerativas. Quando se rompe o equilíbrio    e o organismo começa a produzir e armazenar mais acidez e lixo tóxico do    que pode eliminar, então se manifestam diversas doenças.”

E a    quimioterapia?

Não vou entrar em detalhes, somente me limito a enfatizar    o óbvio: a quimioterapia acidifica o organismo a tal    extremo, que este recorre às reservas alcalinas do corpo de forma imediata para    neutralizar tanta acidez, sacrificando assim bases minerais (Cálcio,    Magnésio, Potássio) depositadas nos ossos, dentes, articulações, unhas e    cabelos. É por esse motivo que se observa semelhante degradação nas pessoas    que recebem este tratamento, e entre tantas outras coisas, se lhes cai a    grande velocidade o cabelo. Para o organismo não significa nada ficar sem    cabelo, porém um Ph    ácido significaria a morte.
Eis a resposta do começo do email:    >>> É necessário dizer que isto    não é divulgado porque a indústria    do câncer (leia-se indústria alimentícia + indústria    farmacêutica) e a quimioterapia são    alguns dos negócios mais multimilionários que existem hoje em dia??

É necessário dizer que a indústria farmacêutica e a indústria    alimentícia são uma só entidade??

nota:    Você se dá conta do que significa isto?

Quanto    mais gente doente, mais a indústria farmacêutica no mundo vai lucrar! E pra    fabricar tanta gente doente, é ncessário muito alimento lixo, como a    indústria alimentícia tem produzido hoje no mundo, ou seja, um produz pra    dar lucro ao outro e vice-versa, é uma corrente. Esta é uma equação bem    fácil de entender, não é?)

Quantos de nós temos escutado a notícia de alguém    que tem câncer e sempre alguém diz: “É…. poderia acontecer com qualquer um…”    Com qualquer um????

Agora que você já sabe, o que você vai fazer a    respeito?

A ignorância justifica, o saber condena.

 

 

terça-feira, 14 fevereiro, 2012 Posted by | Comentário, Repassando... | , , | 6 Comentários

Bicarbonato de sódio, alcalinização e a saúde humana

Há algum tempo, logo no início deste blogue, postamos a reportagem “Bicarbonato x Câncer: esta é surpreendente!“, que gerou polêmicas (sérias e/ou oportunistas) e muitos intercâmbios cognitivos entre os nossos leitores. E como considero o repasse de informações o grande caminho para a construção de um mundo melhor, pela geração e acúmulo do conhecimento coletivo, repasso hoje a reportagem a mim enviada pelo leitor Carlos Germer (SC), sobre este mesmo tema: o uso do bicarbonato na saúde humana. Assim, como a postagem anterior recebeu centenas de comentários e intercâmbios, espero que esta também seja útil a vocês.

Leiam e divulguem…

________________

Alcalinização Milagrosa

Nossos corpos albergam uma grande quantidade de bactérias e fungos que vivem, crescem e sobrevivem em harmonia quando estamos comendo e vivendo saudavelmente. Porém, podem tornar-se altamente daninhos quando o meio onde vivem se altera.

A alteração desse meio é fomentada por dietas altas em açúcar ou em hidratos de carbono, também por água e ar contaminados, ou pela destruição de nossa flora intestinal causada pelo uso de antibióticos ou outros medicamentos (quimioterapia).

As bactérias e fungos se alimentam das mesmas substâncias de que se alimenta o nosso cérebro. Quando ingerimos em excesso alimentos ricos em glucose, também estamos alimentando em excesso às bactérias e fungos que crescem e se multiplicam desproporcionadamente.

O consumo de substâncias por parte dessa excessiva população desproporcionada provoca que o cérebro não receba suficiente alimento, e como o cérebro é quem manda, imediatamente emite as ordens reclamando sua ração. Aí é quando sentimos a urgência de correr para ingerir algo doce, ou hidratos de carbono (se convertem em glucose), ou álcool.

Começa assim o círculo vicioso:

1. ao ingerir mais, cresce a provisão de açúcares,
2. e com ele cresce a multiplicação de bactérias e fungos,
3. e essa população em crescimento reclama mais alimentos
4. e sentimos a necessidade de ingerir mais,
5. e mais, e mais, e mais…..
Sucede que assim como as bactérias e fungos obtêm seu alimento de nosso sangue, também jogam nele seus desperdícios, toxinas que tornam cada vez mais ácido o meio e com o tempo chegam a “envenenar” os tecidos.

Para poder processar as toxinas, o fígado as converte em álcool (ácido) e esse excesso de álcool em nosso organismo, produz uma sensação como a de estar bêbado… mareado, desorientado, mentalmente confundido.

A acumulação excessiva de bactérias e fungos reduz a provisão de potássio e magnésio do corpo com a consequente redução da energia celular que provoca fadiga em excesso, redução das forças e da clareza de pensamento, acaba o entusiasmo, a ambição, a estamina; causa a liberação de radicais livres os quais são coadjuvantes do processo de envelhecimento.
Outros sintomas de acumulação de bactérias e fungos são os ataques de pânico, ansiedade, depressão, irritabilidade, dores de cabeça, dores nas articulações, inflamação nas vias respiratórias, sinusite, stress glandular e problemas menstruais.

Através de diferentes estudos científicos (Dr. Gunther Enderlein, Alemanha, Dr. Robert Young, USA, Dr. Federico Ituarte, Argentina e  outros), analisando as células vivas do sangue, se observou formas de bactérias que vivem em nosso organismo (algumas inclusive trabalham ajudando o corpo), dependendo do meio em que se desenvolvem, as vezes cresciam e se alargavam tornando-se patógenas. Em alguns casos, mudando de “bactéria” a “fungo”. Muitos estudos científicos coincidiram em que as bactérias e fungos podem chegar a causar enfermidades quando se lhes permite desenvolver-se em um terreno doentio(ácido).

Pouco sabemos porém… a acidez no pH dos tecidos de nosso corpo deve ser o selo distintivo do câncer e de outros desequilíbrios da saúde tais como: enfermidades cardiovasculares, problemas cerebrovasculares, patologias dos rins, transtornos inflamatórios e enfermidades do pulmão.

E formula os seguintes postulados:

1) As células saudáveis são alcalinas.
2) Um ambiente ácido contêm menos oxigênio que um ambiente alcalino.
3) As células saudáveis morrem em um ambiente ácido, enquanto que as células cancerosas morrem em um ambiente ALCALINO.
Sugere que todo tratamento contra o câncer deveria começar mudando o ambiente ácido por um ambiente alcalino.
O investigador Sang Whang, com 50 anos de experiência no estudo do balanço ácido–alcalino, sustenta que: É o excesso de ácido em nosso corpo que cultiva o câncer.

O Dr. Robert O. Young, atualmente o microbiólogo mais reconhecido a nível mundial concorda com muitos cientistas de que: “A Enfermidade é a expressão de um excesso de ácidos no corpo humano”. Robert O.Young é Doutor em Medicina, Microbiologia e Nutrição. Há 30 anos realizando análises de sangue, sua investigação sobre o câncer foi validada por um estudo científico britânico. Diariamente, atende a 14 pacientes em seu Centro “Milagroso pH” localizado perto de San Diego, CA. Seu protocolo de “Estilo de Vida Alcalino” conta com 100% de efetividade em quem o aplicou e conseguiu reverter um sem número de enfermidades metabólicas. Dr. Young, criador do conceito da “Nova Biologia”, é autor de reconhecidos best sellers: “El Milagroso pH”, “Enfermo y Cansado”, “El Milagroso pH para Diabetes”, “El Milagroso pH para Perder Peso” e “El Milagroso pH para el Cancer”

Como cada dia mais cientistas, o Dr. Robert O. Young sustenta que:

“Nosso organismo fabrica e utiliza bicarbonato de sódio como um sistema natural para manter o desenho alcalino para prevenir a degeneração do tecido “(recordemos o característico sabor do bicarbonato que muitas vezes sentimos na boca, antes do vômito) “A hiper-alcalinização dos tecidos corporais com bicarbonato de sódio é a maneira mais segura, eficaz e natural para freiar qualquer condição cancerosa e muitas enfermidades e processos inflamatórios”

Por anos, o Dr.Tullio Simmoncini, oncólogo italiano, esteve tratando o câncer e destruindo tumores mediante o uso de bicarbonato de sódio.
Dr. Simmoncini manifesta;

“O bicarbonato de sódio é um remédio seguro, extremamente barato e inegavelmente efetivo quando se trata de tecidos cancerosos”.

A maioria de nós iniciamos nossas vidas como seres sãos. Conforme envelhecemos, e em grande parte por causa de nossos estilos de vida pouco saudáveis, bactérias e fungos se acumulam constantemente em nosso organismo, rompendo o equilíbrio saudável em um círculo vicioso cada vez mais grave. As bactérias e fungos envenenam, estressam e debilitam nosso sistema imunológico. Está comprovado que a maioria das enfermidades imunológicas e condições infecciosas, são causadas ou pioradas pela presença de bactérias e fungos.

O Dr. Robert Young manifesta:

Uma adequada provisão destes quatro sais de bicarbonato é a melhor proteção contra o envelhecimento e toda enfermidade, incluindo o câncer. Melhoram o rendimento atlético e ao melhorar a saúde em geral, melhoram também o estado de ânimo e as energias. “Durante anos tenho observado o impacto que provoca aquilo que ingerimos no delicado balanço do pH de nosso sangue. Através de minhas investigações comprovei que a combinação de 4 maravilhosos sais de bicarbonato (sódio, magnésio, potássio e cálcio) ocorre naturalmente em todos os fluidos de um corpo são, com o propósito de manter o balanço alcalino-ácido natural e atuando como anti-oxidantes que retardam o processo de envelhecimento. “Durante os recentes jogos olímpicos em Beijing, vários dos principais atletas melhoraram seu rendimento e inclusive romperam alguns records, ingerindo 1 colher de bicarbonato de sódio”
Para frear o envelhecimento e recuperar a saúde é necessário reverter o dano do ácido nas células mediante uma dieta alcalinizante. É hora de fazer as mudanças necessárias em nosso estilo de vida para que nosso corpo volte a um estado de equilíbrio e harmonia.

Beba ao menos um litro de água por dia ao qual tenha agregado uma colher de sopa de bicarbonato de sódio. Isto ajudará a enxugar seu sistema e a liberá-lo da acidez acumulada.

Para reverter casos de pneumonia, asma, sinusite, faça nebulizações de água com duas gotas de bicarbonato de sódio líquido, 2 ou 3 vezes por dia.

Para prevenir a acumulação de bactérias na boca, faça bochechos com uma mistura de uma colher de chá de bicarbonato de sódio em um copo d’água.

Para eliminar os resíduos químicos de seu cabelo, agregue uma colherinha de bicarbonato de sódio a seu frasco de shampoo.

Para combater os efeitos de uma ingesta ácida, beba antes ou depois da mesma, um copo d’água com uma colher de chá de bicarbonato de sódio e que sejam 2 colheres se se excedeu com o álcool.

De acordo com Dr. Robert O. Young: “se mantemos nosso corpo com um pH alcalino entre 7.3 e 7.4 nos manteremos livres de enfermidades”

http://www.phmiracleliving.com/pHourSalts.htm (Tradução para o português)

É VERDADEIRA PREVENÇÃO Tome seu bicarbonato de sódio todos os dias..

domingo, 18 julho, 2010 Posted by | Comentário, Repassando... | , , | 179 Comentários

“Anticâncer -prevenir e vencer usando nossas defesas naturais”

Companheiros do blogue: tive o prazer de receber nos últimos dois dias, comentários a respeito da polêmica questão sobre o tratamento de câncer, enviados pela leitora e médica Elizabeth, para a postagem “Bicarbonato de sódio x câncer: esta é surpreendente!”. Por seu conteúdo significativo, resolvi trancrevê-lo como um post em separado, para que se amplie o acesso a estas informações recebidas.

Acho que vale a pena dar uma lida…

Imagem: semglutensemlactosemascomsabor.blogspot.com

___________________________________

Comentário por elizabeth r.r. navarrete | terça-feira, 23 fevereiro, 2010 <!– @ 12:01 am –>

Amigos, como três médicos, alem de mim, já se manifestaram nesse espaço e levando em consideração o post da Lidionete, gostaria de sugerir a leitura de um livro. Ele foi escrito por um medico ortodoxo, psiquiatra, professor de duas universidades (Pittsburgh e Lyon), pesquisador em neurociências. Ele dá o seu depoimento a respeito da Medicina praticada hoje (oficial) e o outro lado da equação, no que se refere a cuidar da saúde de um individuo que ,  a principio, é a tarefa maior da Medicina. Não haveria ceticismo maior do que o de um medico que vivencia o academicismo das universidades. E, no entanto…ele precisou, em causa propria, se apropriar de todo o conhecimento produzido a respeito de cancer para se ajudar. Segue uma resenha descritiva do livro:

  1. “Anticâncer -prevenir e vencer usando nossas defesas naturais”
    É um livro que tem como um dos diferenciais o fato de ter sido escrito por um medico ortodoxo, que vivenciou a situação extrema de um câncer agressivo e buscou afastar todos seus preconceitos em relação a tudo que a medicina alopática não reconhecia como cientifico e, pesquisador que sempre foi, buscou em todas as fontes que encontrou alternativas de saúde que o pudessem ajudar na luta contra sua doença.
    E foi bem sucedido: ainda vive, mais de 15 anos depois, e apesar de ainda ser um paciente canceroso a doença está silenciosa. Ele teve tempo de passar sua experiência para outros, ver o filho crescer e se mantém ativo profissionalmente.
    O livro traz uma extensa referencia bibliográfica e o encarte “Os reflexos anticâncer no cotidiano”onde ele reuniu gráficos, tabelas e listas muito bem elaboradas sobre nutrição e câncer, alimentos funcionais e práticas diárias para evitar fatores pró-câncer.
    É um livro bastante interessante, mesmo em se tratando de uma publicação de grande apelo comercial ( “best seller” publicado em 26 países). Talvez até o sucesso do livro se deva ao fato de ser pública a constatação da epidemia de câncer que vivemos, à falta de recursos apontados pela medicina oficial para evitar a doença e ainda ao fato de ser um livro autobiográfico.

    “ANTICANCER prevenir e vencer usando nossas defesas naturais”
    David Servan Schreiber
    Editora Eldorado 2008
    Referencia inicial e homenagem do autor:
    “Sempre pensei que o único problema da Medicina cientifica fosse o fato de ela não ser suficientemente cientifica. A medicina moderna só se tornará verdadeiramente cientifica quando os médicos e seus pacientes tiverem aprendido a tirar partido das forças do corpo e do espírito que agem através do poder de cura da natureza.”

    Prof. René Dubos
    Universidade Rockefeller,Nova York, EUADescobridor do primeiro antibiotico (gramicidina), 1939. Iniciador da primeira Cupula da Terra da Naçoes Unidas, 1972 Conferencia de Estocolmo sobre o Meio Ambiente Humano.

    Alguns trechos do livro:
    “…quatro abordagens que todas as pessoas podem adotar para construir para si uma biologia anti-câncer, simultaneamente do corpo e da mente: como se prevenir contra os desequilíbrios do meio ambiente ocorridos a partir de 1940 e que alimentam a epidemia atual de câncer. Como ajustar a própria alimentação para reduzir os promotores de câncer e para incluir o maior numero possível de compostos fotoquímicos que lutam ativamente contra os tumores. Como compreender – e curar – as feridas psicológicas que alimentam os mecanismos biológicos que agem sobre o câncer. E, finalmente, como se aproveitar de uma relação com o próprio corpo a fim de reagir sobre o sistema imunológico e de acalmar a inflamação que faz crescer os tumores…”
    Ele conclui: “…três idéias-chave na luta contra o câncer:
    -a necessidade de cuidar do terreno (biológico)
    -a consciência a serviço das defesas naturais
    -a sinergia que resulta da ação combinada dessas defesas
    A necessidade de cuidar do terreno:
    “…a Medicina Ocidental que trata uma doença determinada com uma intervenção ou um medicamento preciso é maravilhosamente eficaz em situações de crise. Todos os dias ela salva vidas graças a uma operação de apendicite, à penicilina para uma pneumonia,à epinefrina para uma reação alérgica aguda…Mas ela revela rapidamente seus limites quando se trata de doenças crônicas.””…Rene Dubos..é considerado um dos maiores pensadores da biologia do seculo XX…tornou-se um ardoroso defensor da ecologia,por causa da interdependência que observara entre os organismos vivos e seu meio ambiente.”
    “…é possível se beneficiar ao mesmo tempo dos avanços da medicina e das defesas naturais do corpo.”

    A sinergia das forças naturais:
    “…O corpo é um imenso sistema em equilíbrio,onde cada função está em interação com todas as outras.A modificação de um único desses elementos afeta necessariamente o conjunto. Cada um pode, pois, escolher por onde deseja começar: alimentação, atividade física, trabalho psicológico ou qualquer outra abordagem que traga mais sentido e consciência à própria vida……cada passo na direção de um maior equilíbrio torna os seguintes mais fáceis.”
    “…existe …o perigo de que certos pacientes acreditem ingenuamente que, graças às abordagens naturais, podem continuar a fumar, negligenciar as mamografias de praxe ou recusar tratamentos difíceis como a quimioterapia. Em nome dessas preocupações, cuja legitimidade eu não contesto, meus colegas se vêem as vezes tentados a recusar em bloco qualquer abordagem que foge às práticas convencionais existentes. Mas isso acaba nos prendendo dentro dos limites de uma concepção medica que retira de cada um de nós o poder de se responsabilizar por si mesmo. Como se não pudéssemos fazer nada para aprender a nos proteger ativamente contra o câncer- antes e depois da doença….
    “….quero acreditar que a maior parte de meus colegas (médicos) pode compreender e se apropriar desse esforço.” David Servant-Schreiber.

    Espero que esse relato e principalmente o livro sejam de utilidade para quem deseja mais informação a respeito tanto de como se conduzir frente a dilemas como esse que infelizmente todos os dias temos diante de nós, quanto se beneficiar de uma compilação de quase tudo que já se conhece fora da realidade terapêutica da medicina ortodoxa,em relação ao cancer.

terça-feira, 23 fevereiro, 2010 Posted by | Comentário, Repassando... | , | 3 Comentários

Bicarbonato de sódio x câncer: esta é surpreendente!

Graças aos meus filhos e amigos, tenho uma aplicada equipe de repórteres voluntários a mariscar temas do interesse do blogue e que podem interessar aos nossos leitores. Meu filho Vinícus enviou-me a matéria a seguir, que considero fundamental pelo conteúdo (oncologia) e confiável por conter os sites em inglês e português para checar as fontes. Logicamente, não temos conhecimento  científico suficiente para avaliar a proposta terapêutica, mas temos responsabilidade social suficiente para divulgá-la, embora conheçamos os riscos da NET em disseminar notícias reais ou blefes. O resto é com vocês. Dêem uma olhada:

Cura do Câncer

Um médico italiano descobriu algo simples que considera a causa do câncer. Inicialmente banido da comunidade médica italiana, foi aplaudido de pé na Associação Americana contra o Câncer quando apresentou sua terapia.
O médico observou que todo paciente de câncer tem aftas. Isso já era sabido da comunidade médica, mas sempre foi tratada como uma infecção oportunista por fungos – Candida albicans. Esse médico achou muito estranho que todos os tipo de câncer tivessem essa característica, ou seja, vários são os tipos de tumores mas têm em comum o aparecimento das famosas aftas no paciente. Então, pode estar ocorrendo o contrário – pensou ele. A causa do câncer pode ser o fungo. E, para tratar esse fungo, usa-se o medicamento mais simples que a humanidade conhece: bicarbonato de sódio. Assim ele começou a tratar seus pacientes com bicarbonado de sódio, não apenas ingerível, mas metódicamente controlado sobre os tumores.
Resultados surpreendentes começaram a acontecer. Tumores de pulmão, próstata e intestino desapareciam como num passe de mágica, junto com as Aftas. Desta forma, muitíssimos pacientes de câncer foram curados e hoje comprovam com seus exames os resultados altamente positivos do tratamento.
Para quem se interessar mais pelo assunto, siga o link (em inglês): nao deixem de ver o video, no link abaixo. O medico fala em italiano, mas tem legenda em português.

—–> http://www.curenaturalicancro.com/

Lá estão os métodos utilizados para aplicação do bicarbonado de sódio sobre os tumores. Quaisquer tumores podem ser curados com esse tratamento simples e barato. Parece brincadeira, né? Mas foi notícia nos EUA e nunca chegou por aqui.

Bem que o livro de homeopatia recomenda tratar tumores com borax, que é o remédio homeopático para aftas.
Afinal, uma boa notícia em meio a tantas ruins.

Site em português:
http://www.cancerfungus.com/simoncini-cancro-fungo.php#

quarta-feira, 19 novembro, 2008 Posted by | Comentário, Repassando... | , | 528 Comentários